Estudante ruivo afirma ser pardo e entra por cotas raciais em Medicina na UESB

Um estudante branco e de cabelos ruivos conseguiu uma vaga no curso de medicina na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) através de cotas raciais.

Segundo informações da universidade federal, Michelson Mendonça da Silva se declarou pardo no momento da inscrição.

De acordo com a Uesb, um processo administrativo está em andamento para apurar o caso, no qual os interessados já foram ouvidos e a denúncia está sob análise da Procuradoria Jurídica.

A Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia explicou que a matrícula dos aprovados pelo sistema de reserva de vagas se dá pela autodeclaração.

Conforme a Uebs, a instituição discute e se movimenta no sentido de aprimorar o processo de matrícula, com a implantação de um comitê de avaliação para assegurar a transparência e a segurança dos candidatos. (G1-BA)

Verdinho

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas