Turismo: “Ilhéus Moto Praia” marca comemorações do aniversário de 488 anos da cidade

A Avenida Soares Lopes será ponto de encontro dos amantes de motos que desejam aproveitar o calendário festivo para reencontrar a turma. Promovido pela União dos Motoclubes de Ilhéus, com apoio da Prefeitura, a 1ª edição do “Ilhéus Moto Praia” pretende reunir entre 1.500 e 1.700 motociclistas de diversas partes do Brasil, de 30 de junho a 3 de julho.

Integrado aos festejos dos 488 anos da cidade, o evento representa mais uma oportunidade para alavancar a atividade turística no município, tendo em vista o potencial econômico que a iniciativa possui. Os ajustes finais do evento foram discutidos durante reunião ocorrida na quarta-feira (8), no Centro Administrativo da Conquista, com representantes do Município, de clubes de motos do país e Polícia Militar.

“A gente espera que o nome de Ilhéus seja reforçado no cenário nacional do turismo, com a finalidade de atrair cada vez mais visitantes e para que a nossa população possa auferir desses avanços. Queremos trazer grandes eventos para movimentar toda a cidade, gerando renda e emprego como determinado pelo prefeito Mário Alexandre”, explicou Geraldo Magela, titular da Secretaria Especial de Cultura.

 

Moto Praia Ilhéus; moto; motoclubes; motociclistas

 

A estrutura montada no estacionamento da Avenida Soares Lopes, que passou por melhorias e recuperação da malha asfáltica, através da operação tapa-buracos, está pronta para receber o público que aprecia o universo das motos. Conforme a organização do evento, a visitação de 800 motociclistas, em média, gira cerca de 20 vezes no comércio, desde o setor de hotelaria até o vendedor de coco, passando pelo barraqueiro, dentre outros profissionais que atuam de maneira autônoma.

“O motociclismo abraça uma grande parte de pessoas interessadas por criar vínculos de amizade, lealdade, respeito e confraternização, que é o principal ponto desse evento. Todos estão convidados para visitar Ilhéus, cidade maravilhosa, com belíssimos pontos turísticos”, afirmou o tenente Ricardo, da 68ª Companhia Independente de Policia Militar (68ª CIPM).

Astor Badaró, membro do Guaranis Motoclube, lembrou que há 17 anos a cidade não registra encontro de motos. “A união dos clubes fez a gente conseguir a realização desse evento”. A iniciativa também conta com apoio da Polícia Militar da Bahia, Neto Carriço, Diário dos Motociclistas e Regional Ilhéus. Motociclistas de estados a exemplo de São Paulo, Ceará, Pernambuco, Minas Gerais e Espírito Santo marcarão presença durante os quatro dias.

“A Associação dos Motociclistas da Bahia vem fomentando todo esse movimento no estado. A rede hoteleira nos deu feedback informando sobre a procura por acomodações, incluindo reservas de várias partes do país”, completou Badaró.

 

 

por Secom

 

Comments

comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.