Utilidade Publica : Veja como baixar o aplicativo para fazer a nova Carteira de Estudante de graça

O Ministério da Educação (MEC) colocou hoje no ar o portal da ID Estudantil, página em que os estudantes poderão fazer o cadastro para obter a carteirinha digital. O site tem um contador que indica a data que estará disponível para início do processo.

A ID Estudantil poderá ser utilizada por todos os estudantes da educação básica, profissional e tecnológica e superior.  O documento permitirá o pagamento de meia-entrada em shows, teatros e outros eventos culturais, sem que isso gere um custo extra, como acontece hoje.

O presidente Jair Bolsonaro assinou a medida provisória (MP) da ID Estudantil em 6 de setembro. A MP foi publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU) de 9 de setembro, data a partir da qual teve início o prazo de 90 dias para início da emissão das carteirinhas.

Como baixar o aplicativo e fazer a ID Estudantil de forma gratuita?

Os alunos poderão adquirir a ID Estudantil por meio de aplicativos de celular. O download do app estará disponível na Apple Store e no Google Play. O documento também poderá ser feito fisicamente pela Caixa, de graça.

O aplicativo estará disponível a partir do dia 7 de dezembro. No dia, basta apenas você pesquisar pelo aplicativo: ID Estudantil e baixa-lo. É rápido e fácil. Após baixar o aplicativo, você seleciona a instituição de ensino em que você está matriculado e preencha os dados solicitados como: nome, e-mail e telefone. Após esse procedimento, será gerado um QR Code seguro e o documento digital é disponibilizado no app. Viu? Será fácil e simples. Veja o vídeo que explica tudo abaixo:

É importante informar que a emissão de carteirinhas pelo MEC, não tira a prerrogativa de outras entidades. O documento poderá ser emitido ainda por:

Associação Nacional de Pós-Graduandos
entidades estudantis estaduais, municipais e distritais
diretórios centrais dos estudantes
centros e diretórios acadêmicos
outras entidades de ensino e associações representativas dos estudantes, conforme definido em ato do ministro da Educação
O MEC firmará contrato com a Caixa Econômica Federal para emissão gratuita ao estudante da ID Estudantil física. A nova carteira física será válida até 31 de março do ano seguinte, enquanto a digital será válida enquanto o aluno permanecer matriculado em estabelecimento que forneça os níveis e as modalidades de educação e ensino.

O documento perderá a validade quando o estudante se desvincular do estabelecimento.

Segundo o MEC, apesar de ser gratuita para o estudante, a emissão da carteira estudantil terá um custo de 17 centavos por documento, que será bancado pelo governo federal.]

Para mais informações acesse o site da ID Estudantil lançado pelo MEC

 

*Informações* Frankli Deluzio (Ilheus.net)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *